Júri dos EUA condena traficante mexicano El Chapo

Um júri norte-americano condenou o narcotraficante mexicano Joaquín Archivaldo Guzmán Loera, conhecido como El Chapo, por todas as dez acusações contra ele. Ele foi julgado em Nova York, nos Estados Unidos, e pode ser condenado à prisão perpétua pelas acusações. Entre as acusações, El Chapo foi condenado por conspiração internacional para distribuição de cocaína, metanfetaminas e maconha; uso de armas e lavagem de dinheiro. Os 12 jurados ouviram depoimentos de testemunhas e analisaram documentos. O narcotraficante se recusou a prestar depoimento em defesa própria. O mexicano é apontado como um…

Veja mais...

PF incinera quase três toneladas de cocaína apreendida no Paraná

A Polícia Federal (PF) incinerou, na manhã de hoje (8), aproximadamente 3 toneladas de drogas apreendidas em Curitiba e Paranaguá, no Paraná. Segundo a assessoria de imprensa da corporação, foram submetidos ao processo de queima cerca de 2,87 toneladas de cocaína e 42 quilos de haxixe, droga derivada, como a maconha, da planta Cannabis sativa. Em nota, a PF explica que o volume foi, em sua maioria, apreendido no ano passado. A incineração, acompanhada por autoridades federais e estaduais, foi feita em fornos de grande porte, adequados para esse tipo…

Veja mais...

Velejadores brasileiros detidos em Cabo Verde deixam prisão

Três velejadores brasileiros presos em Cabo Verde há 16 meses deixaram hoje (7) a cadeia. Eles foram condenados a 10 anos de pena por tráfico internacional de drogas. Em janeiro, a Justiça do país já havia anulado a sentença, mas ainda não havia garantia de que eles seriam libertados, o que ocorreu hoje com a expedição da ordem de soltura. Daniel Felipe da Silva Guerra, Rodrigo Lima Dantas e Daniel Ribeiro Dantas foram detidos em agosto de 2017. Eles se dirigiam ao arquipélago de Açores quando foram abordados pela polícia de Cabo…

Veja mais...

Vistoria em presídio no Rio apreende dezenas de telefones celulares

A Secretaria de Estado de Administração Penitenciária (Seap) fez hoje (28) uma grande operação no Presídio João Carlos da Silva, em Japeri, na Baixada Fluminense, com a finalidade de combater o crime organizado e o tráfico de drogas no sistema prisional do estado. Quase 70 aparelhos de telefonia celular foram encontrados em celas dos internos. Participaram da ação, 80 agentes da Corregedoria, da Superintendência de Inteligência do Sistema Penitenciária (Sispen) e da Superintendência de Segurança e Coordenação. De acordo com a Seap, as equipes realizaram vistorias em todas as celas.…

Veja mais...